terça-feira, 26 de fevereiro de 2008

para aquelas coisas que você sempre deixa para trás



minhas mãos estão tremendo agora, porque eu sei que é hora de ir. que tenho que começar a juntar as coisas de novo. nessa altura do campeonato, eu já deveria ser expert na arte de dizer adeus. mas acho que existem coisas que a gente nunca aprende. por exemplo. nunca esquecer as coisas. e a gente sempre faz isso: um casaco lá no mc donalds, um cartão no banco do ônibus, bem assim. toda vez é a última vez, mas a gente é simplesmente incapaz de aprender a manter tudo perto e a salvo.

porque guardar tudo é impossível.

porque esquecer alguma coisa é uma forma de não dizer adeus.

4 comentários:

Paulo Rená disse...

Que fofo isso.

júlia disse...

que dramático, quel
fiquei curiosa com carinho,
bacci

:: juliana disse...

:~

Bruno disse...

Eu acho que eu ainda tenho sua liga extraordinária :0***